Como identificar sinais de esgotamento no trabalho

O excesso de trabalho ou de preocupações podem trazer sérios problemas para qualquer pessoa. Todos possuem um limite e este limite precisa ser respeitado. Os excessos em qualquer área da vida contribuem para o esgotamento nervoso. Neste artigo você vai conhecer os principais sinais de esgotamento.

Apesar de não ser reconhecido como uma doença, o esgotamento nervoso atinge muitas pessoas. Ele impede o bom funcionamento do corpo e da mente, fazendo com que a pessoa apresente sinais claros de que algo não está bem.

Esta situação está intimamente ligada ao excesso de estresse no ambiente profissional. Os inúmeros compromissos, as intensas horas de trabalho, a falta de tempo para a família e compromissos pessoais são responsáveis pelo esgotamento nervoso.

Este tipo de situação é mais comum nos homens. Principalmente porque os homens têm mais dificuldades em colocar limites no trabalho. Acabam fechando os olhos para a saúde e colocam o sucesso profissional e o provimento familiar em primeiro lugar.

Confira a seguir alguns sinais de esgotamento que são claros para qualquer pessoa que esteja passando por este problema.

Principais sinais de esgotamento nervoso no ambiente profissional

1 – Perca do entusiasmo em qualquer atividade:

sinais de esgotamento no dia a diaO primeiro sinal de esgotamento nervoso é a perca do entusiasmo.

A pessoa passa a ter dificuldades em se motivar e tudo parece muito mais difícil e enfadonho do que realmente é.

Mesmo as atividades que a pessoa considerava prazerosa passam a não fazer sentido.

Muitas coisas são deixadas de lado, a pessoa passa a fazer o mínimo necessário para sobreviver no ambiente de trabalho. Mesmo cumprindo muitas horas de trabalho.

2 – Sensação constante de cansaço:

Continuando a nossa lista de sinais de esgotamento entra a constante sensação de cansaço.

A pessoa que apresenta sinais de esgotamento já acorda cansado, permanece cansado durante o dia e termina o seu dia exausto. Mesmo dedicando algum tempo para o descanso ele não é efetivo, pois o pior cansaço não é do corpo e sim da mente.

3 – Grande irritabilidade nas pequenas dificuldades:

Outra característica perceptível é a irritabilidade em qualquer pequena dificuldade que surge durante o dia.

Mesmo os problemas que antes não fariam diferença na vida da pessoa agora se tornam motivos para discussões e perca da paciência. As pessoas mais próximas são as que mais sofrem com esta característica.

4 – Falta de concentração no desenvolvimento das atividades:

O quarto sintoma claro de esgotamento nervoso é a falta de concentração no desenvolvimento das atividades.

A mente da pessoa está sempre cansada, isso faz com que o cérebro esteja com todas as energias esgotadas, comprometendo toda a capacidade de concentração.

Mesmo as atividades mais simples são comprometidas. É comum esquecer detalhes nas atividades do cotidiano, como as chaves de casa no trabalho, as compras no supermercado, o sinal de trânsito enquanto dirige e tantos outros exemplos.

5 – Sensação constante de ansiedade e preocupação:

Outro sinal claro é que a pessoa vive com uma ansiedade constante, a pessoa parece estar sempre preocupada com algo que está para acontecer.

Algumas pessoas também passam a apresentar um grande pessimismo. O pessimismo pode se combinar com a ansiedade e fazer com que a pessoa viva sempre preocupada com situações ruins que podem acontecer.

6 – Perca da vaidade e desleixo com a autoimagem:

Prosseguindo com a lista de sinais de esgotamento entra em cena outro sinal muito perceptível que é a perca da vaidade.

A pessoa passa a não se preocupar com o que está vestindo, com o penteado do cabelo, a limpeza das unhas e tantas outras coisas importantes. A aparência da pessoa é capaz de demonstrar com clareza que a pessoa realmente não está bem.

7 – Imunidade baixa e surgimento de doenças:

Por fim, o corpo passa a dar sinais ainda mais claros que algo está errado. A imunidade da pessoa cai e passam a surgir doenças frequentes como virosas e resfriados.

Em muitos casos o intestino da pessoa é uma das partes do corpo que mais é afetado. É comum que surjam problemas com a prisão de ventre ou diarreia.

Em alguns casos também podem surgir problemas de hemorroidas, pés trincados, queda de cabelo e dor de cabeça constante.

Como reverter os sinais de esgotamento?

É possível reverter estes sinais de esgotamento, o primeiro passo e o mais difícil é admitir que você está passando dos limites.

Fazer uma avaliação de sua vida irá ajudar você a identificar se o trabalho além da conta não está tomando o lugar de tudo na sua vida. O sucesso profissional e o dinheiro não conseguem trazer de volta a saúde perdida ou os laços familiares deixados de lado.

A primeira iniciativa é rever a maneira como você encara seu trabalho. Dar uma pausa é fundamental, tire algumas férias e faça um novo planejamento profissional. Veja o que você pode fazer para continuar produtivo no trabalho, mas sem prejudicar as outras áreas da sua vida.

Também é importante passar a confiar mais nos outros. Aprenda a delegar tarefas e dividir responsabilidades. Evite abraçar tudo somente para você, tenha pessoas ao seu redor em que você possa confiar.

Organizar melhor o trabalho e sistematizar algumas tarefas também podem colaborar na sua melhora. Assim você fará melhor suas atividades e gastará menos tempo.

Comece a fazer atividades físicas e se alimentar bem. Escolha um esporte que te dê prazer e que você possa praticar com pessoas que você gosta, assim elas não deixarão você desistir no meio do caminho.

Não deixe de procurar um médico, uma vida estressante pode ter como consequência doenças crônicas que precisam ser tratadas. Por isso, não negligencie o cuidado com sua saúde. Principalmente se você se considera durão demais a ponto de não precisar de um médico.

Finalizando

Todos podem passar por este tipo de problema, muitas pessoas possuem diversos sinais de esgotamento e não tomam nenhuma providência. No fim das contas acabam se tornando pessoas improdutivas e tristes.

Ao perceber alguns sintomas o melhor é fazer um exame de consciência e reavaliar a sua postura diante do trabalho e de sua vida pessoal. Quanto antes você contornar esta situação melhor para você e para as pessoas que você ama.

Compartilhe este artigo com seus amigos e nos ajude a colaborar com a construção de uma cultura empreendedora.

Forte abraço.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!