Como montar uma farmácia com 7 passos

Abrir uma farmácia pode ser uma ótima opção para ter seu próprio negócio. É um ramo muito lucrativo, visto que muitas pessoas sempre precisam de remédios. Neste artigo você encontrará um passo a passo sobre como montar uma farmácia de sucesso.

Mesmo com o advento das grandes redes de drogaria ainda é possível ter uma pequena farmácia lucrativa. Principalmente se você mora em uma cidade menor que ainda não é atrativa para as grandes redes de farmácia.

Como todo negócio, abrir uma farmácia exigirá de você conhecimentos administrativos e gerenciais que são essenciais. É importante aprender sobre contabilidade, finanças, gestão de estoque, vendas e gestão de pessoas.

Então, caso você seja um farmacêutico é importante estar atento aos conhecimentos gerenciais que são necessários, pois os conhecimentos técnicos são importantes, mas não são suficientes para fazer com que sua farmácia seja lucrativa.

Veja a seguir os passos necessários de como montar uma farmácia.

Passo a passo de como montar uma farmácia

1 – Faça um planejamento para abrir sua farmácia:

dicas práticas de como montar uma farmáciaO primeiro passo é fazer um estudo e um planejamento para abertura de sua farmácia.

É hora de conhecer o mercado em que você irá atuar. Para isso, estudo o seu público-alvo para entender os hábitos de consumo de seus possíveis clientes. Também é importante estar de olho na concorrência, visite cada um deles e veja como é a forma de trabalho e os produtos que eles oferecem.

Também é hora de fazer uma previsão dos gastos financeiros para abertura de sua farmácia. É importante estar atento aos gastos de compra de equipamentos, mobiliários, estoque inicial de produtos e contratação de funcionários. Além disso, ainda será necessário pagar taxas e impostos.

Por fim, planeje como será sua operação. Estude o que você pode fazer de diferente para se destacar da concorrência, pense em estratégias de marketing e de fidelização de sua possível clientela.

2 – Escolha um bom local para sua farmácia:

O segundo passo de como montar uma farmácia é escolher um bom local para o empreendimento.

O primeiro ponto é decidir a localização. Ou seja, em qual região você deseja abrir seu negócio, pode ser em centros comerciais ou próximo a grandes bairros residenciais.

Uma farmácia em um grande centro pode ter um grande movimento de clientes, mas estará sujeita a uma grande concorrência. Enquanto que uma farmácia de bairro pode não ter um grande fluxo de clientes, mas possui uma concorrência muito menor.

Escolha um local que seja estratégico, que seja de fácil acesso para seus possíveis clientes.

O segundo aspecto a avaliar é a estrutura da edificação que você pretende comprar ou alugar. Esta estrutura deve ter um espaço adequado para sua farmácia, este espaço deverá comportar a loja, o depósito, escritório, banheiro e um pequeno ambulatório.

Dê preferência para ambientes com boa iluminação e ventilação natural. Fique atento também à necessidade de reformas, quanto maior o número de intervenções maior será o investimento inicial.

3 – Regularize a sua farmácia com a ajuda de um contador:

O passo seguinte é encontrar um bom contador para te auxiliar a regularizar sua farmácia.

Uma farmácia é como todo tipo de negócio, será necessário se inscrever no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ, registrar-se na junta comercial do seu estado, retirar o alvará de funcionamento no seu município e também fazer os devidos cadastros na Vigilância Sanitária e no Conselho Regional de Farmácia.

Durante a regularização de seu negócio será necessário definir o porte da sua empresa, a formatação jurídica e o regime tributário. Para fazer as escolhas corretas é importante ter auxílio de um contador de confiança.

Vale ressaltar que toda farmácia precisa ter um farmacêutico responsável. Ou seja, caso você não tenha feito um curso superior em farmácia você deverá encontrar um farmacêutico para ser seu parceiro na sua farmácia, ele será o responsável pela parte técnica do seu negócio.

Ficar atento aos detalhes burocráticos é de suma importância para que você não tenha problemas jurídicas e administrativos no futuro. Além de evitar que você pague impostos além do necessário.

4 – Monte a estrutura física da sua farmácia:

O quarto passo de como montar uma farmácia é preparar a estrutura física do seu negócio, ou seja, comprar equipamentos e mobílias necessários para acondicionar os produtos e receber os clientes.

Os equipamentos para farmácia são simples, serão necessários os equipamentos e móveis convencionais de uma loja comum, como caixas eletrônicos, prateleiras, balcões, estantes, mesas, sofás ou cadeiras, entre tantas opções.

Além dos equipamentos convencionais é interessante contar com um pequeno ambulatório para atendimentos básicos, como aplicação de injeções e aferição de pressão arterial.

É indicado investir em um layout bem planejado e profissional. A aparência do ambiente é cada vez mais decisiva na escolha dos clientes. Por isso, não deixe de investir na organização e beleza do ambiente.

Faça de sua farmácia um ambiente convidativo e agradável para seus clientes.

5 – Encontre bons fornecedores para sua farmácia:

Ter bons fornecedores também é fundamental para que você tenha sucesso em sua farmácia.

Um bom fornecedor é aquele que tem um preço competitivo, que te atende no prazo necessário e que possui boas condições comerciais para pagamento.

Também é possível começar seu negócio com uma parceria com as grandes redes de farmácia que existem. Estas redes funcionam parecidas como grandes cooperativas que facilitam o acesso aos produtos necessários e dão o apoio operacional necessário às farmácias.

Encontrar fornecedores não será tarefa difícil, eles irão até você a partir do momento que suas portas estiverem abertas. Você terá o trabalho de selecionar quais as melhores opções para seu negócio.

Não tenha o preço como único balizador para avaliar seus fornecedores, leve em consideração aspectos importantes como prazo de entrega do pedido feito, condições de pagamento e sua relação de confiança com o vendedor que está sempre na sua porta.

Boas parcerias valem mais do que pequenos descontos ou pequenas diferenças financeiras.

6 – Contrate bons profissionais para trabalhar na sua farmácia:

O sexto passo de como montar uma farmácia é contratar uma boa equipe para trabalhar com você.

Os membros de uma equipe podem variar conforme o tamanho da farmácia que você pretende abrir e os serviços que você pretende disponibilizar. Por isso, é difícil definir quais os profissionais você vai precisar, mas você deve ter pessoal suficiente e capacitado para atender seus clientes, cuidar do caixa, realizar pequenos procedimentos no ambulatório e gerenciar o negócio.

Em pequenas farmácias é interessante contar com profissionais que sejam flexíveis, ou seja, que consigam aprender e cumprir mais de uma função. Assim, você pode fazer mais com menos.

O bom atendimento e o cuidado com os clientes são fundamentais para o sucesso da farmácia. Por isso, seus profissionais precisam ser escolhidos a dedo e bem treinados.

O farmacêutico também é um profissional estratégico em uma farmácia, muitos clientes gostam de ser atendidos diretamente pelo farmacêutico e não abrem mão disso. Ter atenção com cada cliente é fundamental para fidelizar seu público-alvo.

7 – Invista em produtos de diversificação em sua farmácia:

Por fim, é necessário investir em produtos de diversificação para sua farmácia.

As farmácias deixaram de ser um local para comprar apenas medicamentos. Hoje em dia, elas são especializadas em produtos de higiene pessoal, perfumaria e tantas outras opções de produtos.

Estes produtos de diversificação são muito importantes para as farmácias. Eles podem cumprir duas funções importantes.

A primeira delas é possibilitar a venda conjunta, ou seja, um cliente vai à farmácia à procura de um remédio receitado pelo médico e acaba comprando a fralda para o filho, uma barra de chocolate para a sobremesa, o desodorante que acabou e até mesmo a ração para o cachorro.

Outra função é a captação de clientes. Muitas pessoas podem se tornar clientes fiéis de uma farmácia sendo atraídos por produtos de diversificação. Pessoas que não compram remédio com frequência podem ter o hábito de passar na farmácia para comprar uma barra de chocolate e quando precisam de um remédio se lembram justamente desta farmácia.

Tome cuidado para que você não transforme sua farmácia em uma mercearia. Os produtos de diversificação são importantes, mas o exagero pode prejudicar seu negócio.

Finalizando

Agora que você já possui todas estas informações de como montar uma farmácia é hora de colocar a mão na massa.

Compartilhe este artigo com seus amigos e nos ajude a colaborar com a construção de uma cultura empreendedora.

Forte abraço.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!