Como reduzir custos na empresa com 12 dicas essenciais

Em tempos de dificuldade financeira, muitos empreendedores se atentam para a redução dos custos do seu negócio. Aprender como reduzir custos na empresa é essencial para sobreviver a crises e manter uma empresa funcionando.

Apesar de ser uma prática muito procurada na crise, a redução de custos deve fazer parte da rotina da empresa. A busca por um negócio mais enxuto e eficiente é imprescindível para se manter competitivo no mercado e gerar lucros satisfatórios.

Podemos dizer então que as dicas deste artigo não podem ser aplicadas somente nos momentos de dificuldade, mas podem ser implementadas como uma busca contínua pela qualidade e eficiência.

Colocar em prática estas 12 dicas, de como reduzir custos na empresa, pode não ser tarefa simples, mas com certeza, será muito recompensadora.

Afinal, uma empresa existe para dar lucro. Logo, quanto menor o seu custo, maior será seu lucro.

12 Dicas de como reduzir custos na empresa

dicas de como reduzir custos na empresaA redução de custos é uma tarefa que não deve envolver somente alguns funcionários da empresa.

Caso você deseje realmente ter sucesso com a implementação de ações para reduzir custos, boas práticas deverão ser implementadas desde o mais alto cargo até o mais simples funcionário. Todos devem se sentir envolvidos.

Um mal exemplo da diretoria pode colocar seu planejamento de redução de custos em jogo.

Vamos então às dicas essenciais de como reduzir custos na empresa.

1 – Envolva toda a equipe:

O primeiro passo para uma boa redução de custos é envolver toda a equipe da empresa. Não deixe ninguém de fora.

Comece esclarecendo o objetivo da empresa em reduzir os custos e a necessidade de se adequarem a um mercado muito competitivo.

Em seguida o melhor a fazer não é simplesmente passar regras e práticas que deverão ser seguidas, o melhor a fazer é pedir a opinião de seus funcionários. A sua equipe que está ligada diretamente com a produção poderá te dar ideias muito positivas e eficientes quanto à redução de custos.

Seus funcionários são seus primeiros consultores na hora de identificar o que pode ser mudado, sem comprometer o funcionamento da sua empresa.

2 – Faça uma avaliação criteriosa:

Fazer uma avaliação criteriosa dos custos reais do seu negócio também é essencial.

Muitas vezes, os empreendedores fazem cortes e implementam práticas sem uma avaliação criteriosa. Este tipo de prática pode gerar um grande desconforto entre toda a equipe e não resultar em uma redução de custos significativa. Apenas gera um desgaste dentro da empresa.

Por isso, antes de fazer qualquer tipo de corte é importante uma avaliação criteriosa dos gastos. Para isso, é necessário conhecimento do funcionamento da empresa e dados verdadeiros.

Ter um fluxo de caixa bem elaborado e um bom controle financeiro te coloca um passo à frente.

Na hora de reduzir custos e fazer cortes é importante não tomar decisões precipitadas.

3 – Revise a tributação da sua empresa:

Um ponto importante que muitas vezes é deixado de lado é o regime de tributação no qual a empresa está envolvida.

A mudança no regime de tributação pode trazer um alívio quanto ao pagamento de impostos.

Entretanto, esta prática é delicada e não deve ser feita sem uma avaliação profissional e com uma boa projeção do faturamento no futuro. Para esta avaliação você deve contar com a assessoria de um profissional de contabilidade de confiança.

Uma má gestão do regime de tributação pode gerar muitos custos indevidos. Quando esta mudança de regime é feita de forma equivocada os custos serão ainda maiores do que os atuais.

4 – Elimine todo tipo de desperdício:

Uma dica simples, mas essencial, de como reduzir custos na empresa é o cuidado com o desperdício.

O desperdício é o custo mais ingrato que uma empresa pode ter, pois não possui nenhum sentido. É apenas fruto da má operação ou da má gestão dos recursos.

Por isso, uma empresa que deseja reduzir os seus custos começa por eliminar todo tipo de desperdício.

Não se limite somente aos desperdícios principais de um processo de produção, mas também aos pequenos desperdícios do dia a dia, com material de escritório e pequenos equipamentos.

Uma empresa eficiente e competitiva deve revisar sempre seus processos em busca de aproveitar cada vez melhor os recursos que dispõe.

5 – Reduza os custos financeiros:

Existem duas formas de reduzir custos financeiros que devem ser implementadas.

A primeira delas é a mais simples. Você precisa somente de organização. Muitas empresas adquirem custos financeiros devido à falta de organização na hora de gerenciar suas contas a pagar e receber.

O resultado da desorganização é o pagamento de juros e multas. Ou seja, para quem quer reduzir custos, pagar juros e multas é inconcebível.

A segunda forma de reduzir os custos financeiros é negociar tarifas e taxas de juros com o banco que você trabalha.

Esta segunda prática vai exigir um pouco mais de paciência e perseverança. Renegociar empréstimos e financiamentos também é uma boa solução para reduzir custos com juros.

6 – Aumente a produtividade da sua empresa:

Uma boa forma de como reduzir custos na empresa sem gerar nenhum tipo de desconforto é implementando ações para o aumento da produtividade.

Ações para aumentar a produtividade podem envolver diversos aspectos do seu negócio, como a motivação, o melhor aproveitamento dos insumos disponíveis, uma reorganização do processo produtivo e até mesmo a troca de tecnologia.

O aumento da produtividade deve ser sempre o foco de uma empresa, mesmo em tempos de abundância.

É claro que a relação de insumos disponíveis, profissionais, tecnologia adequada e tempo tem um limite. É importante você conhecer este limite e não esperar uma produção acima do possível.

6 – Gerencie melhor seus fornecedores:

Um custo significativo para muitas empresas é a compra de insumos. Por isso, é essencial para a redução dos custos um bom gerenciamento de fornecedores.

É necessário estar em busca de fornecedores com o melhor custo benefício para seu negócio. Procurara por bons preços, boas condições comerciais e produtos de qualidade é tarefa de todo empreendedor.

Tente melhorar a relação que você já tem com seus fornecedores de confiança. Busque renegociar contratos e melhorar as condições comerciais para sua empresa.

Dê uma chance para outros fornecedores, comece novas parcerias que sejam vantajosas para sua empresa.

Avaliar constantemente seus fornecedores poderá te ajudar a reduzir os custos consideravelmente.

7 – Faça uma boa gestão de pessoas:

Uma boa gestão de pessoas será fundamental na condução de seu negócio. A boa gestão dos recursos humanos pode reduzir muitos custos com contratação, manutenção e demissão de profissionais.

É certo que os custos com contratação e demissão de funcionários são muito altos.

Contratar errado pode gerar um grande custo para sua empresa. Além dos custos com impostos e custos trabalhistas, você provavelmente terá um novo custo com mais um processo seletivo.

Por isso, aproveite da melhor forma possível os profissionais que estão na sua empresa. Prefira promover do que contratar. Conheça e invista nos profissionais que estão do seu lado e que podem trazer um bom retorno para seu negócio.

A boa gestão de pessoas evita também a saída de bons profissionais. A saída de bons profissionais é um custo muito grande para uma empresa.

8 – Gerencie seu estoque:

Outro ponto importante para quem quer aprender como reduzir custos na empresa é o bom gerenciamento do estoque.

Ter um estoque adequado é essencial para o sucesso do seu negócio. O estoque adequado é aquele estoque que não está dimensionado em excesso, nem é tão baixo a ponto de correr o risco de ser insuficiente.

Conhecer a real necessidade do mercado e da sua produção é necessário para dimensionar seu estoque. Investir em mercadorias e insumos que não tem muita rotatividade geram custo elevado de armazenamento e deixam o dinheiro investido parado.

Aprenda no que investir e quanto investir. Para ter um estoque enxuto e seguro é importante contar com fornecedores eficientes, que poderão repor com rapidez o seu estoque.

9 – Avalie a terceirização de alguns serviços:

Trabalhar com a terceirização de alguns serviços é uma prática que pode reduzir custos consideráveis do seu negócio.

Entretanto, esta prática deve ser avaliada e colocado em questão todas as vantagens e desvantagens da terceirização da sua empresa.

Saiba também que está é uma medida com resultados a médio e longo prazo e que inicialmente você poderá ter um custo superior à contratação de serviços convencional.

Terceirize somente os serviços que são secundários e observe a legislação brasileira em vigor. Antes de contratar uma empresa terceirizada é importante conhecer seu histórico e se possível conversar com clientes antigos.

10 – Reduza o consumo de insumos básicos:

Alguns insumos são básicos e necessários a todo tipo de negócio. Estes insumos podem ser a energia elétrica, água, telefone e internet.

É importante avaliar o uso de cada um destes insumos e reduzir o seu consumo com uma utilização eficiente e racional dos recursos.

Uma boa maneira de reduzir o consumo destes insumos é com uma boa educação dentro do ambiente de trabalho. Incentive boas práticas e esclareça as pessoas como utilizar cada insumo de maneira correta.

Outra forma de reduzir seus custos com insumos básicos é adotando instalações mais eficientes e equipamentos mais modernos e econômicos.

11 – Avalie a localização da sua empresa:

Outro ponto importante a ser avaliado é a localização da empresa. Na tarefa de como reduzir custos na empresa, a localização é um ponto delicado. Apesar de ser uma medida que reduz custos consideráveis é uma mudança drástica.

Entretanto, é importante avaliar sua localização pelo lado financeiro. Avaliar os custos de estar no local que você está comparado a outros locais, avaliar a logística, tributação, custos com aluguel e condomínio.

Por ser uma mudança de grande impacto, ela deve ser bem avaliada e planejada. Antes de tomar esta medida é importante ter certeza das vantagens que serão obtidas, não somente no momento de crise, mas a médio e longo prazo.

12 – Não despreze os pequenos custos:

Um erro cometido por muitos empreendedores é desprezar as pequenas despesas na hora de planejar uma redução de custos.

As pequenas despesas em um negócio, quando somadas, tornam-se significativas. Por isso, desprezar estas pequenas despesas causam uma impressão de que as outras ações implementadas não estão sendo tão eficientes como poderiam ser.

Em uma empresa pequena, as pequenas despesas tornam-se ainda mais significativas.

É importante reduzir custos simples, como:

  • Material de escritório,
  • Impressões e cópias;
  • Copos descartáveis de água e café;
  • Material de limpeza.

Não despreze nenhum destes custos, no final das contas você perceberá o quanto eles podem ser significativos em seu negócio.

Finalizando

Tenho certeza que colocando em práticas estas 12 dicas de como reduzir custos na empresa, você terá sucesso em suas ações.

Lembre-se da importância do bom exemplo dentro de uma organização. O esforço pela redução de custos deve partir de cima para baixo, caso seja feito da forma contrária você terá sérias dificuldades em colocar seu planejamento em prática.

Ainda ficou com alguma dúvida ou quer colaborar com o conteúdo, deixe um comentário.

Compartilhe este artigo com seus amigos e nos ajude a colaborar com a construção de uma cultura empreendedora.

Forte abraço.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!