O que é sazonalidade e como aproveitar cada fase do seu negócio

Aprender o que é sazonalidade é fundamental um empreendedor tenha sucesso em diversos nichos de mercado. Os efeitos da sazonalidade podem ser percebidos por qualquer um, desde que tenha um olhar atento. É possível perceber como o mercado muda seu comportamento em determinadas épocas do ano e lucrar ainda mais com seu negócio.

O termo sazonalidade tem sua origem na duração das estações do ano. Atualmente é um termo muito utilizado no mundo dos negócios para definir as épocas que um determinado tipo de negócio sofre alteração nas relações entre oferta e demanda.

Ou seja, são os períodos onde determinados produtos passam a ser mais procurados ou deixam de ser procurados.

A sazonalidade pode ser percebida facilmente em alguns tipos de negócio, como uma sorveteria. A procura por sorvetes no verão é infinitamente superior do que no inverno, é uma sazonalidade que acompanha os períodos frios e quentes do ano.

Toda sazonalidade pode ser boa ou ruim, desde que ela seja prevista no planejamento do empresário. Para aproveitar da melhor forma possível a sazonalidade é importante criar estratégias específicas conforme cada tipo de negócio.

Motivos para o surgimento da sazonalidade

Agora que você já sabe o que é sazonalidade é importante entender como ela surge em diversos tipos de negócio.

A sazonalidade pode acontecer por diversos motivos, estar atento ao que produz a sazonalidade em seu negócio é fundamental para que você se prepare de maneira adequada e encontre soluções para aproveitar o melhor de cada fase do seu negócio. Veja mais detalhes a seguir.

1 – Sazonalidade devido às mudanças climáticas:

dicas e definição sobre o que é sazonalidadeO primeiro fator que interfere na sazonalidade de um negócio são as mudanças climáticas. Alguns tipos de produtos são mais procurados no tempo de calor, enquanto outros tipos de produtos são mais procurados em tempo de frio.

Entender este processo é simples, mas muito útil para quem deseja ter sucesso com um negócio que sofre os efeitos das alterações climáticas ao longo do ano.

O exemplo da sorveteria é o mais emblemático, como mostrado no início do artigo, o sorvete é um produto muito procurado nos períodos quentes, mas acaba sendo preterido nos períodos de frio intenso.

2 – Datas comemorativas e períodos festivos:

Outra sazonalidade fácil de perceber são as datas comemorativas e os períodos festivos. O mercado em geral se prepara para aproveitar da melhor forma cada uma destas festas.

É possível ter um negócio que se aproveite do Natal, da Páscoa, do dia das mães, dia dos namorados, dia dos pais, dia da mulher, dia da criança e inúmeras outras opções de negócio.

Alguns negócios sofrem intensamente com este tipo de sazonalidade. Um exemplo evidente são as lojas de chocolate, o grande lucro destas lojas se resumem ao período da Páscoa. É certo que durante o ano eles aproveitam todas as outras datas festivas, mas nada se compara à Pascoa para este mercado.

Outro bom exemplo são as floriculturas que conseguem um grande incremento de vendas nos períodos de dia dos namorados, dia das mães, dia da mulher e por incrível que pareça no dia dos finados.

3 – Períodos escolares ou de férias coletivas:

Alguns pequenos negócios também vivem dependentes dos períodos escolares. A sazonalidade provocada pelos períodos escolares e intervalos para férias é perceptível até mesmo no trânsito de maioria das cidades.

As papelarias são negócios que dependem dos períodos escolares, tanto é que a grande campanha deste tipo de negócio é no chamado volta às aulas. Neste período as papelarias se preparam com grande estoque de produtos e aproveitam a empolgação dos pais e crianças com o período de retorno aos estudos no fim das férias.

O transporte escolar também é refém dos períodos escolares, além de inúmeros bares, restaurantes, padarias e lanchonetes que existem quase que exclusivamente para atender aos estudantes de determinadas escolas e universidades.

A sazonalidade devida aos períodos escolares é ainda mais evidente nas chamadas cidades universitárias. Que são pequenas cidades que abrigam grandes universidades, geralmente públicas, e que desenvolvem muitos negócios em torno do centro universitário.

Como aproveitar melhor a sazonalidade

1 – Fique com os olhos abertos e atento ao seu negócio:

O primeiro passo para aproveitar bem os períodos sazonais em seu negócio é ficar atento às variações que acontecem durante o ano.

Para alguns tipos de negócio, como as sorveterias, é muito claro os períodos de sazonalidade. Para outros negócios, não é tão simples assim. A observação e a coleta de dados são fundamentais para que você possa identificar os períodos de alta e de baixa em seu negócio.

Além de identificar os períodos de alta e de baixa é importante que você perceba os motivos que geram estes períodos de sazonalidade. Como você viu anteriormente pode ser as mudanças de estação, as datas comemorativas, períodos escolares ou inúmeros outros motivos que você será capaz de perceber com uma boa observação e coleta de dados.

2 – Prepare seu estoque para os períodos de alta em seu negócio:

A sazonalidade é essencial para muitos negócios. Aproveitar os períodos de alta é importante para lucrar mais e ter boas condições de manter o negócio em períodos de baixa.

Para aproveitar os períodos de alta é necessário estar com o estoque preparado para atender todos os clientes que chegarão até você. Um bom estoque é aquele que é suficiente para atender seus clientes e não é tão grande a ponto de sobrar mercadorias.

Por isso, é fundamental que você planeje como você irá aproveitar os períodos de alta de seu negócio. Crie estratégias para vender bem e não deixe passar as oportunidades.

3 – Crie alternativas para os períodos de baixa:

Assim como existem os períodos bons, também existem os períodos ruins. A sazonalidade é capaz de produzir períodos muito difíceis para alguns tipos de negócio.

Para passar da melhor forma possível por estes períodos o melhor é criar alternativas para seu negócio. Encontre produtos que possam atrair seus clientes e ainda manter seu negócio vendendo bem.

Caso você tenha dificuldades em oferecer produtos alternativos a melhor opção é preparar-se financeiramente com uma reserva de capital de giro. Assim você evita que seu negócio passe por problemas financeiros devido à queda das vendas.

Muitas empresas se endividam por não se prepararem bem para os períodos de sazonalidade.

Últimas palavras sobre o que é sazonalidade

Neste artigo você pode aprender o que é sazonalidade e perceber que a sazonalidade é um efeito natural em grande parte dos negócios. Ela pode ter efeitos positivos e negativos, a intensidade destes efeitos irá variar conforme o planejamento e estratégias de cada um.

Fechar os olhos para a sazonalidade é o pior que pode ser feito, ela sempre existe e terá efeitos ainda mais visíveis caso você a negligencie.

Caso você tenha alguma dúvida ou queira contribuir é só deixar um comentário.

Compartilhe este artigo com seus amigos e nos ajude a colaborar com a construção de uma cultura empreendedora.

Forte abraço.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!