Quanto custa para abrir uma empresa: Saiba tudo que você precisa

Saber quanto custa para abrir uma empresa é um dos primeiros passos para quem quer ter seu próprio negócio.

É comum, alguns empresários, começarem seus negócios sem a consciência de todos os custos envolvidos em uma empresa. Muitas vezes focam somente no custo inicial e se esquecem da importância de um bom capital de giro para o início dos negócios.

Os custos para a abertura de uma empresa variam consideravelmente conforme o tipo de atividade, a escolha da tributação, o tamanho da empresa, o local onde será instalada e também conforme o desejo do empreendedor.

Para não ter problemas financeiros logo no início de sua vida empresarial é importante fazer uma boa avaliação de todos os custos possíveis.

Vale destacar que, hoje em dia, a abertura de uma empresa é feita de uma forma muito mais simples e rápida, os custos com taxas e impostos também diminuíram. Graças à informatização dos processos muitas burocracias foram deixadas de lado. Mesmo assim, quando os custos são avaliados de perto assuntam qualquer empreendedor.

Quer saber quanto custa abrir uma empresa? Então confira os pontos a seguir.

Quanto custa para abrir uma empresa

1 – Taxas e impostos para abertura da empresa:

As taxas e impostos para a abertura da empresa podem variar muito conforme o tipo de negócio, porte e local de instalação.

Entretanto, os custos básicos para começar o seu negócio envolvem as seguintes taxas:

  • Documento de arrecadação de receitas estaduais – DARE;
  • Documento de arrecadação de receitas federais – DARF;
  • Taxas referente ao cadastramento na Junta Comercial;
  • Taxas municipais referentes ao Alvará de Localização;
  • Certificado Digital.

Conforme o tipo de negócio você ainda estará sujeito ao pagamento de taxas para:

  • Taxa de alvará no Corpo de Bombeiros;
  • Taxa de alvará na Anvisa;
  • Taxa em entidades de classe.

dicas de quanto custa para abrir uma empresaÉ claro que para negócios ainda maiores serão necessários a licenças ambientais ou específicas que geraram um custo ainda maior.

Para não ter problemas com todas as taxas e obrigações o melhor é contar com um bom contador para te auxiliar a abrir a sua própria empresa.

É claro que isto também é um custo, geralmente uma consultoria pelos serviços.

Visto o exposto acima, os custos para a abertura de uma empresa podem variar de 900 reais a 3 mil reais.

Lembro que esta é uma estimativa e que pode variar muito conforme o tipo de negócio, tamanho e estado onde será instalado.

2 – Investimento inicial:

É certo que para saber quanto custa abrir uma empresa não podemos para nas taxas e obrigações legais.

O investimento inicial é um custo significativo no custo total. É importante ter claro o quanto você precisará investir inicialmente em seu negócio para abrir a sua empresa com tranquilidade e sem endividamento.

O investimento inicial envolve custos como:

  • Reforma e adequação do local a ser instalado a empresa;
  • Compra de mobiliário;
  • Compra de equipamentos;
  • Compra de matéria-prima ou estoque;
  • Despesas com propaganda e marketing;
  • Criação de site e ferramentas online;
  • Registro da marca;
  • Despesas com inauguração da empresa.

O investimento inicial faz parte do capital inicial da empresa, ou seja, é o investimento dos sócios ou do empresário individual que será integrado nos ativos da empresa.

Para você que está começando seu negócio evite gastar com excesso, seja prudente e invista somente no essencial. É comum empresários investirem pesado em seu primeiro negócio sem saber se terão sucesso.

Por isso, seja prudente e invista somente o essencial. Assim que o negócio começar a dar certo você poderá fazer investimentos maiores com mais segurança.

3 – Capital de giro:

O capital de giro é um custo que não pode ser esquecido de forma alguma. É pelo capital de giro que uma empresa cumpre suas obrigações no início dos trabalhos.

São poucos os negócios que conseguem se manter sem um capital de giro desde o início dos trabalhos. É como capital de giro que você pagará as obrigações, mesmo que não tenha faturado o suficiente nos primeiros meses para pagar as despesas da empresa.

É indicado que o capital de giro seja suficiente para arcar com 70% das despesas da empresa nos 6 primeiros meses e 50% das despesas da empresa nos 6 meses seguintes.

Como pode ver, não é um custo baixo. Muitos empreendedores falham na hora de manterem um bom capital de giro, assim suas empresas começam a se endividar logo no início. Ter consciência do capital de giro a ser mantido é essencial para saber quanto custa para abrir uma empresa.

Microempreendedor Individual – MEI

O Microempreendedor Individual – MEI, tem uma grande vantagem na hora de abrir o seu negócio.

Todo o processo é feito online e não precisa do suporte de um contador. Quer saber quanto custa para abrir uma empresa na modalidade de Microempreendedor Individual? O pequeno empresário não paga quase nada quanto às taxas e obrigações legais.

Hoje o pequeno empreendedor pode legalizar o seu negócio sem custo algum e de forma muito rápida.

Vale lembrar que o MEI tem uma limitação de faturamento de até 60 mil reais anuais.

Finalizando

Agora que você já sabe quanto custa para abrir uma empresa é hora de avaliar o investimento que você precisa fazer para tirar o seu negócio do papel.

Uma dica final é tomar muito cuidado com o endividamento inicial do seu negócio. Em alguns casos é quase impossível não tomar empréstimos ou financiamentos para viabilizar a criação de sua empresa, entretanto esteja atento às taxas, juros e condições do empréstimo realizado.

Seja prudente e invista somente no essencial no início dos seus negócios.

Ficou com alguma dúvida é só deixar um comentário ou nos enviar um e-mail.

Não deixe de compartilhar este artigo com seus amigos, é só clicar em uma rede social abaixo.

Boa sorte em seus negócios!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!